Image É muito mais fácil criticar o trabalho de alguém do que criar algo. Mas se você aplica uma metodologia sistemática ao criticismo, faça uma lista numerada e prepare ilustrações, pois então sua crítica será considerada uma análise detalhada! Na minha opinião, o design de ícones está passando por um periodo de transição. Por um lado, resoluções de monitores estão aumentando, assim como os ícones. Por outro lado, ainda temos nossos velhos píxeis. Ícones do tamanho de 16x16 e menores ainda são bastante usados. Aqui temos alguns dos erros mais comuns dentro do design de ícones...

1. Pouca diferença entre ícones

É muito difícil diferenciar alguns ícones que pertencem a um mesmo grupo, pois eles são muito similares. Se você não acompanha as legendas, você poderá confundi-los facilmente.

Image
Ícones da seção de utilidades no Mac ISX. Eu sempre confundo um com o outro e abro a aplicação errada.


Image
O problema piora quando ícones menores aparecem no monitor.

2. Muitos elementos num só ícone

Quanto mais simples o ícone, melhor. É melhor manter o número de objetos num só ícone ao mínimo necessário.

Por outro lado, designers da Microsoft, inspirados pelo novo formato de ícones no Windows Vista, decidiram fazer ícones enormes para justificar seu orçamento do mesmo tamanho:

Image
Cada ícone nos apresenta uma pequena história com um trama complicado. Em suas menores versões o problema é mais evidente, mas suas versões maiores ainda são difíceis de decifrar.

3. Elementos desnecessários

Um ícone deve ser fácil de entender. Quanto menos elementos ele tiver, melhor. É melhor se toda a imagem é relevante do que somente uma parte. Portanto, deve-se prestar atenção ao contexto do uso dos ícones.

Vamos considerar, por exemplo, ícones relacionados com um banco de dados:

Image
À primeira vista, tudo parece normal.


Mas se esta aplicação lida somente com bancos de dados, podemos (e devemos) remover as partes desnecessárias:

Image
O senso não é perdido aqui, mas os ícones são muito mais fáceis de discernir


Este é um exemplo ainda mais claro com elementos desnecessários, nos ícones do BeOS 5:

Image
Os ticks vermelhos, tipo OK, são completamente desnecessários. E a propósito, por quê eles são vermelhos?

4. Falta de uniformidade de estilo num grupo de ícones

A uniformidade de estilo é aquilo que unifica ícones em um grupo. A propriedade de união poderia ser qualquer um desses elementos: esquema de cores, perspectiva, tamanho, técnica de desenho ou uma combinação desses elementos. Se há somente alguns ícones no grupo, o designer pode manter essas regras em sua própria cabeça. Se há vários ícones no grupo e vários designers envolvidos em sua criação (como é o caso de ícones para sistemas operativos), então algumas instruções devem ser implementadas. Tais instruções descrevem em detalhe como desenhar um ícone, para que ele "encaixe" no grupo de ícones em questão.

Image
Uma multitude de estilos no arquivo shell32.dll em Windows XP. Este é o grupo de ícones sugeridos ao usuário que quer mudar o ícone de algo no sistema operativo.

5. Perspectiva e sombras desnecessárias em ícones pequenos

Progresso não é algo estagnado: interfaces ganharam o potencial para mostrar objetos semi-transparentes, perderam limitações para o uso de cores e há agora uma tendência direcionada a usar ícones 3D. Mas é isso algo útil? Nem sempre! Especialmente se estamos falando de ícones do tamanho de 16x16 ou menores.

Por exemplo, vamos mencionar o administrador de aplicações no GNOME 2.2.0 (RedHat 9):

Image
Perspectiva em ícones em tal dimensão é desnecessária e até improdutiva.


E aqui é o administrador de aplicações do Windows XP:

Image
Como standard, ícones em Windows XP têem uma sombra de dois píxeis, mas em ícones de 16x16 a sombra fica muito grande e faz com que o ícone pareça sujo. O ícone da agenda de endereços é especialmente ruim neste grupo.

6. Metáforas demasiado originais

Escolhendo o que deve ser mostrado como um ícone sempre será um compromisso entre o fácil reconhecimento e a originalidade. Antes que uma metáfora é desenvolvida para um ícone é aconselhável considerar como isso é feito em outros produtos. Talvez a melhor solução não é ser original mas usar uma convenção amplamente conhecida.

Um exemplo de originalidade excessiva é o ícone do lixo no OS/2 Warp 4, que não é uma lata de lixo mas um daqueles aparelhos que picam documentos em pequenos pedaços.

Image
Um outro problema nessa escolha é que não existe um tipo bem conhecido desse aparelho. O ícone parece mais uma impressora com um polvo escondido dentro dela. E o pior é que não é claro qual a aparência de um lixo cheio nessa metáfora.

7. Características nacionais ou sociais não são consideradas

É sempre necessário levar em consideração quais serão as condições em que seus ícones serão usados. Um aspecto importante aqui são características nacionais. Tradições culturais, o que está ao redor e gestos podem diferenciar-se radicalmente de país a país.

No caso da necessidade de desenhar um ícone para trabalhar com emails. É sensato usar uma metáfora de uma carta ou uma caixa postal, por exemplo.

Image
Essas imagens são cortesia do artigo na Wikipedia com o título Post Box


A resposta pode ser encontrada no manual para criação de ícones para o Mac OSX. "Use imagens universais que pessoas reconhecerão facilmente. Evite focar em elementos secundários de um elemento. Por exemplo, para um ícone de correio, uma caixa postal rural seria menos reconhecida do que um selo.

Image
A ideia de usar um selo é boa mas o uso de uma imagem de aguia falcão é definitivamente questionável.

A ideia de usar um selo é boa mas o uso de uma imagem de aguia falcão é definitivamente questionável.

Entretanto, é necessário considerar não somente aspectos nacionais... Isso me lembra de algo engraçado. Uma vez precisávamos um ícone para um filtro de dados, que geralmente é relacionado à metáfora de um funil. Assim o desenhamos:

Image
A reação do cliente foi: Não entendo porque para um filtro, vocês desenharam um ícone com a forma de uma taça de Martini.


A reação do cliente foi: "Não entendo porque para um filtro, vocês desenharam um ícone com a forma de uma taça de Martini".

8. Imagens de elementos de interfaces em ícones

O manual para criação de ícones para o Mac OSX adverte: "Evite o uso de elementos de interface em seus ícones; eles poderão ser confundidos com a própria interface". Mas tudo isso à toa! Vejamos por exemplo o seguinte ícone:

Image
Você tenta fazer uma seleção mas acaba clicando no ícone inteiro!


Aqui é um exemplo interessante na interface do navegador Omniweb:

Image
Preste atenção aos botões de Anterior e Próximo, um tipo raro de botões com legendas em baixo. Opa! Eles não são botões, mas sim ícones!


9. Texto dentro de ícones

Este erro é geralmente visto em ícones de aplicações. É claro que a primeira coisa que vem à cabeça quando se trabalha com um ícone de uma aplicação é adaptar a logo da própria aplicação. O que há de tão mal com o texto dentro do ícone? Primeiramente, isso é totalmente relacionado com o idioma e portanto impede a localização. Em segundo lugar, se o ícone é pequeno. é impossível ler o texto. E por último, no caso de ícones de aplicações, o texto é repetido no nome da aplicação.

Image

10. Fora de foco ao nível de píxeis

Geralmente esse problema ocorre se você usa um editor de vetores para desenhar ícones. Em grandes tamanhos, tudo parece bonito e claro; mas quando os ícones são reduzidos as bordas perdem a sua clareza por causa do efeito "anti-aliasing" (que sempre ocorre quando se reduz uma imagem).

Image
Esse artigo é uma tradução "nem tão literal" do artigo original escrito por Denis Kortunov , do TurboMilk.

Digg!Reddit!Del.icio.us!Google!Live!Facebook!Slashdot!Netscape!Technorati!StumbleUpon!Spurl!Newsvine!Furl!Fark!Blogmarks!Yahoo!Netvouz!Ma.gnolia!FeedMeLinks!
Comentários (2)add comment
Rodrigo Aun | link | março 17, 2008
1
Interessante!!
parabéns pela matéria. Muito interessante os conceitos que muitas vezes não são considerados na hora de desenvolver um ícone.
Michelle Oliveira | abril 23, 2008
2
Muito Bom!!
Parabéns ao D.Kortunov!!Pois é Wallace, esse problema de discernimento de ícones realmente é complicado, pois para a pessoa que desenvolve tem todo um significado e faz sentido, mas para quem lê aqui no Brasil ou na Índia, realmente pode ter interpretações diversificadas.
Creio que este debate deve ser levantado sempre que há uma atualização de pacotes seja Microsoft ou Mac, ou os S.Livres, o fato é que os usuários que receberão este produto, e o feedback deste trabalho é que vai fazer valer cada gota de inspiração dedicada aos maravilhosos ícones que tanto nos auxiliam, é certo que as vezes não!!rsrsrs. . .
É isso . . blzzz . . abçs
Michelle


Escreva seu Comentário
Você precisa estar logado para postar um comentário. Por favor registre-se se caso não tenha uma conta
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
Smiley
Smiley
Smiley
Smiley
Smiley
Smiley
Smiley
Smiley
Smiley
Smiley
Smiley
Smiley

security image
Escreva os caracteres mostrados


busy